VIVO, Oi, TIM, CLARO – Sobre validade de créditos – Voltam a ter validade

Publicidade

VIVO, Oi, TIM, CLARO – Sobre validade de créditos – Voltam a ter validade
O STJ (Superior Tibunal de Justiça) determina que as operadoras continuem a estabelecer o prazo de validade relacionado aos créditos de celuares pré-pagos e afirma que isso é um proceder legal.

Sobre pré-pagos

Sobre pré-pagos

Com esta decisão, a regulamentação da Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações) que permite esta prática por parte das operadoras de telefonia.

Tal decisão veio assim que a Anatel realizou uma consulta a um tempo atrás. Em agosto, a 5ª Turma do Tribunal Regional Federal tinha decidido que as operadoras deveriam remover a validade dos créditos, invalidando regras estabelecidas pelo órgão de regulamentação para o mercado de telecomunicações. Com o posicionamento do STJ, fica suspenso o que fora determinado em agosto.

Publicidade

A Procuradoria Federal Especializada argumentou que os créditos devem ter validade para preservar o modelo de negócio pré-pago. Caso os créditos não tivessem validade, haveria risco de aumento de preços aos usuários, pois as operadoras deveriam repassar vários gastos ao usuário.

Bom, desde quando foi anunciado esta proposta, ficou claro que alguém teria que arcar com os prejuizos que seriam inevitáveis às operadoras. Ou seja, imagine uma pessoa comprar um celular e com ele um chip, coloca 5 reais de crédito e quase não usa, bom, a operadora está gastando energia, funcionários, equipamento, e uma lista enorme ser formos descrever detalhadamente. Tudo isso para apenas um número que está com 5 reais a talvez meses, e com isso quem vai pagar a conta da operadora nestes meses? Bom, a resposta seria única, eu, você e outros que usam o celular todos os dias, isso sem contar com um aumento signicativo nos serivos prestados pela operadora. Pois, ela com certeza não iria querer assumir todo o prejuizo, então teria que dividir os prejuizos com todos que usam muito.
Além do mais também, perderiam também em ações, em valores do patrimônio e assim por diante.

Falei disso a um tempo atrás neste link:
http://www.phoneinfo.com.br/creditos-de-celulares-pre-pago-nao-terem-prazo-de-validade-sera-mais-uma-grande-perda-para-os-usuarios/
Apenas uma breve observação, pois não sei quase nada sobre economia e muito menos sobre administração desse ramo.

Publicidade
Compartilhe isto

Comentários

comentários
Todo comentário ofensivo, o usuário será banido sem aviso.